Por que ter o seu bebê no Hospital Unimed Criciúma?

A chegada de um filho é sempre um momento de muita alegria e expectativas. São muitos os preparativos e cuidados que se deve ter ao receber esta nova vida. Por esse motivo a escolha da maternidade onde seu filho vai nascer é fundamental. No Hospital Unimed Criciúma, você recebe atenção e carinho em um ambiente aconchegante, cercado pelos melhores profissionais. Tudo para receber a pessoa mais importante da sua vida: o seu bebê.

"Cuidar de você. Esse é o plano"
Ultrassom mask

Que tipo de parto escolher?

Conheça abaixo os detalhes de nossos procedimentos de acordo
com o tipo de parto e decida qual a melhor opção para você e seu bebê.

Normal

A sala de parto é equipada com a cama PPP (pré parto, parto e puerpério) onde estimula e auxilia no nascimento. A equipe orienta e auxilia a mãe durante todo o trabalho de parto, respeitando as suas crenças e valores éticos.

A humanização da assistência ao parto, busca resgatar o caráter natural e fisiológico do nascimento de uma forma prazerosa, segura e saudável. Assim proporciona à gestante uma vivência positiva e sem traumas num dos momentos mais importantes de sua vida e de seu filho.

Durante o trabalho de parto você pode contar com as seguintes ações:

  • Um acompanhante durante todo o trabalho de parto e parto.
  • A entrada de doula previamente cadastrada.
  • Métodos não farmacológicos para o alívio da dor.

Cesariana

A cesariana é um parto cirúrgico que consiste num procedimento médico que tem em vista retirar o bebê do útero. Como se trata de uma cirurgia é praticada no Centro Cirúrgico da Mulher. A duração média de uma cesariana é de 60 minutos.

A cesariana poderá ser indicada pelo médico com participação da gestante devido a alguma alteração na gestação ou poderá ser programada pelos pais e pelo Obstetra (procedimento eletivo previamente marcado pelo médico no Hospital Unimed).

A mãe tem pleno direito de escolher a via de parto, mas cabe ao obstetra esclarecer todos as vantagens do parto normal antes de aceitar a realização de um parto Cesário sem plena indicação médica. Em geral, as mães que optam pela cesárea o fazem por medo das dores do parto, por traumas psicológicos devido a problemas no parto vaginal em familiares ou amigos, ou por pressões familiares/profissionais para que a gravidez tenha uma data de término previamente estipulada.

Algumas medidas para melhorar o bem estar da mãe

Medidas ambientais

Diminuição da Luminosidade do
ambiente

Aromaterapia

Privacidade (cuidado individualizado)

Musicoterapia

Medidas físicas

Caminhadas durante o trabalho de parto

Exercicíos Pélvicos

Massagens corporais com óleos
específicos e massageadores

Exercicíos respiratórios

Banho terapêutico (chuveiro)

Bola Suíça

Cavalinho

Cadeira de Parto

Banco em “U”

Após o nascimento

Amamentação na primeira hora de vida

Clampeamento tardio do Cordão
Umbilical

Contato pele a pele de imediato

Os primeiros cuidados com o recém-nascido são realizados na sala de parto, ao lado da mãe. Sendo identificado o bebe com uso de pulseiras triplas

Está chegando a hora?

Saiba o que é preciso levar para a maternidade, preencha seu plano de parto e programe-se com um serviço de filmagem para eternizar esse momento.

lista Lista do que levar para
mamãe do bebê
Download
parto Plano de parto Download

Serviço de Filmagem

O dia do nascimento de um filho é um momento especial e único na vida do casal, esse momento tão lindo merece ser eternizado!

O Hospital Unimed possui uma equipe de filmagem exclusiva para parto, mas não se esqueça, o serviço precisa ser agendado com antecedência na nossa recepção.

Curso para Gestantes

Se você é papai ou mamãe de 1ª viagem e está com dúvidas quanto aos primeiros cuidados do seu filho, venha fazer o curso de gestantes do Hospital Unimed de Criciúma. Você pode realizar o curso em qualquer período da gestação.

A gestante poderá se inscrever e trazer UM acompanhante para o curso (marido, mãe, babá, sogra, amiga, etc.) A taxa de inscrição por gestante, incluindo já o acompanhante é de R$ 100,00, que você irá pagar no dia do curso. O curso é realizado todos os meses e tem duração de 3 noite apenas, com início das 19 às 22h.

calendário Cronograma do curso 2020

Janeiro:

13, 20, 27

Fevereiro:

10, 17, 24

Março:

16, 23, 30

Abril:

13, 20, 27

Maio:

11, 18, 25

Junho:

15, 22, 29

Julho:

13, 20, 27

Agosto:

17, 24, 31

Setembro:

14, 21, 28

Outubro:

5, 19, 26

Novembro:

16, 23, 30

Dezembro:

7, 14, 21

Dúvidas Frequentes

Pode ser que suas dúvidas também sejam de outras mamães e
papais. Abaixo listamos as dúvidas mais comuns e também suas
respostas.

Até quando dar o peito?

O seio materno exclusivo deve ser oferecido no mínimo por um período de 6 meses e sua duração máxima vai depender da disponibilidade materna e interesse do bebê. O ministério da saúde orienta que o aleitamento materno continue pelo menos até os 2 anos.

Como saber se a criança está engordando, se o leite (a qualidade e quantidade) está suficiente?

Na primeira consulta com o pediatra que ocorre em torno de 7 a 15 dias de pós-parto, o bebê será pesado e este médico avaliará se o leite materno está sendo suficiente.

A alimentação influencia no leite da mãe?

A orientação é que a mãe mantenha uma alimentação saudável e uma ingestão de líquidos adequada. É mito crer que determinados alimentos influenciem na produção de leite ou na cólica do bebê.

De quanto em quanto tempo a criança deve amamentar nas primeiras semanas?

A amamentação deve ser livre, sem horários pré-estabelecidos. O bebê deve ser levado ao seio sempre que solicitar e quando estiver no seio manter a sucção efetiva.

Como deve ser a dieta após o parto?

A dieta deve ser a mesma que a mãe teve durante a gestação para não influenciar a qualidade do leite materno e a saúde da criança. Como sugestão evitar comidas muito temperadas e quem causam flatulência como por exemplo couve, brócolis, repolho.

Estou amamentando e ainda não fiquei menstruada. Isso é normal?

Sim. Não é por acaso que a amamentação é considerada um método contraceptivo, mesmo que pouco confiável. Mães que amamentam, em geral, deixam de menstruar nesse período. Mas isso, não é regra. Algumas podem menstruar e até engravidar enquanto amamentam, embora as chances sejam menores.

Fique atenta aos sinais de alerta para procurar o hospital (parto normal e cesariana)

– Temperatura oral acima de 37,8° C;
– Vermelhidão nas mamas;
– Vermelhidão ou saída de pus ou sangue na cicatriz cesárea;
– Sangramento vaginal em grande quantidade

É preciso passar algum medicamento no local da cicatriz da cesárea?

Não, somente lavar com água e sabonete neutro e, após secar com uma toalha de algodão o local.

É necessário retirar os pontos da cesárea?

Vai depender do tipo de fio, se for transparente não precisa retirar o próprio organismo absorve e, se for fio preto em torno de 10 a 15 dias.

É normal sangrar até dois meses depois do parto?

Sim, é o chamado lóquios. Ou seja, perda de sangue, muco e tecidos do interior do útero durante o período puerperal. Nos partos normais, o corrimento escurece até o final do primeiro mês. Depois, por mais um mês, uma secreção amarelada ainda permanece na região. Em pacientes submetidas à cesariana, o sangramento pode se prolongar até o segundo mês.

A maternidade é um sonho, mas estou me sentindo triste. Por que isso acontece?

Sete em cada dez mães experimentam essa tristeza depois do parto. Também conhecida por blues, ela decorre de modificações neuro-hormonais. Do ponto de vista psicológico, essa emoção está associada a medo e ansiedade, que podem afetar o humor da mulher.

Estou sentindo muita dor quando amamento. Será que estou fazendo algo errado?

Sim, essa dor pode acometer o bico do seio. É que essa dor só acontece quando o bebê não está pegando direito o peito. Nesse caso, é importante pedir orientações ao seu obstetra ou ao pediatra da criança.

O que faço para evitar que o leite empedre?

Dar o peito sempre que o bebê tiver fome e fazer o rodízio de mamas, esvaziando cada uma delas até ficarem flácidas. Verifique também se o bebê está pegando o peito corretamente e conseguindo mamar ( boca de peixe). Se a criança não quiser mamar ou se tiver com muita produção de leite é conveniente retirar cuidadosamente o excesso. Existem acessórios próprios para isso. Você pode guardar o leite para oferecê-lo mais tarde. O leite em temperatura ambiente poderá ficar por 60 minutos, em geladeira 12 horas e congelado 15 dias.

Quanto tempo o leite demora para descer?

A apojadura, como é chamada a “ descida do leite”, acontece entre o terceiro e o sétimo dia depois do parto. O líquido que sai antes se chama colostro é de cor amarelada rico em anticorpos e por isso também é muito importante para o recém-nascido.

É normal os pés continuarem inchados após o parto?

Absolutamente normal. Isso acontece por causa das alterações do organismo durante a gestação. Mas fique tranquila, já que seu pé desincha em torno de 7 a 15 dias.

camera O bebe nasceu?
Agora é só flash!
lupa
Arthur Zanelatto Fernandes

Arthur Zanelatto Fernandes

09/12/2019

botão download
Caetano Pinto da Soler

Caetano Pinto da Soler

09/12/2019

botão download
Luiza Zanini Perego

Luiza Zanini Perego

09/12/2019

botão download
Maria Julia Savi Pacheco

Maria Julia Savi Pacheco

09/12/2019

botão download
Abner Ancelmo dos Santos

Abner Ancelmo dos Santos

07/12/2019

botão download
Antônio Beza Gonçalves

Antônio Beza Gonçalves

06/12/2019

botão download
Ver mais

Dicas para Cuidar do seu bebê

Vacinas

O Recém-nascido deve receber, logo ao nascer, vacinas contra a hepatite B e contra tuberculose (BCG). As demais vacinas também devem ser administradas de acordo com o Calendário Nacional de Imunização do Ministério da Saúde.

Teste do pézinho

O teste do pezinho deve ser realizado entre o 3º e o 7º dia de vida. deve-se levar ao laboratório a guia de solicitação entregue na alta.

Teste da Orelhinha

O teste da Orelhinha é realizado pela Fonoaudióloga, geralmente na primeira semana após o nascimento.

Consulta com Pediatra

O retorno ao Pediatra deve ocorrer entre o 7º e o 10º dia de vida do bebê. Ligue para o pediatra de sua escolha e agende.

Pele

Durante o primeiro mês de vida dê preferência para produtos exclusivos para recém-nascidos.

Troca de Fralda

A troca de fralda deve acontecer antes de cada mamada e quando você observar que está suja.

Higiene do colo Umbilical

Realizar a higiene com álcool 70% e auxilio de gaze e cotonete e em toda a circunferência do coto. Lembre-se a limpeza deve ser realizada em cada troca de fralda e após o banho.

Espirros

É comum o bebê apresentar logo após o nascimento espirros. Não é resfriado, não se preocupe.

Pomada

A pomada preventiva de assadura deverá ser utilizada após higiene nas trocas de fraldas, lembre-se em caso de assaduras consultar com o pediatra.

Roupas (verão/inverno)

Quando escolher a roupa para o bebê deve-se observar as roupas que os pais estejam vestindo, pois o bebê necessita de uma peça a mais. Lembre-se não o aqueça em excesso.

Cólicas

As cólicas geralmente aparecem a partir da segunda semana de vida, caracteriza-se por um choro inconsolável, súbito, aparecem todos os dias e geralmente nos mesmos horários. Se a criança está chorando constantemente e sobretudo antes dos 15 dias de vida, procure um pediatra. Mesmo quando o bebê estiver choroso procure passar calma dando carinho e aconchego, mesmo com a dor o seu bebe vai gostar do carinho.

Banho

O banho do bebê deve ser realizado no mínimo 1 vez ao dia. Se necessário pode ser realizado mais de 01 banho.

Sono

O recém-nascido dormem em média 10 a 18 horas por dia, sendo distribuídas no período de 24h. Assim o bebê dorme 2 a 5 horas de cada vez. Lembre-se a posição correta de dormir é de barriga para cima.

Choro

O choro do seu bebê não significa somente dor. Fique atenta: fraldas sujas, excesso de roupas, roupas apertadas, fome, calor ou frio também serão manifestadas em forma de choro.

Icterícia

A Icterícia caracteriza-se pela cor amarelada da pele e dos olhos. Nestes casos o pediatra deverá ser consultado.

Dicas para Visitantes

Vai visitar a mamãe e o bebê no hospital? Dê uma olhadinha na nossa lista de dicas.
Pequenas atitudes contribuem para uma boa recuperação das mamães e dos bebês.

  • Higienize as mãos antes e após entrar no quarto;
  • Não deite ou sente no leito (inclusive crianças), pois é de uso exclusivo da mãe, também não coloque sobre eles bolsas e sacolas;
  • Evitar trazer ou enviar arranjos florais com perfumes fortes;
  • Não use perfume com fragrância forte e não fume antes da visita;
  • Dê privacidade à mamãe quando for o momento de amamentar;
  • Não fale alto dentro dos quartos e evite atender o celular durante a visita;
  • Não faça visitas prolongadas e evite aglomeração de pessoas no quarto;
  • Não circule na dependência da Maternidade, ou visite outros quartos com o bebê;

Envie seu recado para a mamãe e o papai