Notícias

Notícias

13 de novembro de 2018

Tecnologia americana agiliza diagnósticos moleculares

A taxa de Infecções Relacionadas a Assistência à Saúde (IRAS) do Hospital Unimed Criciúma (adquirida por paciente transferido de outra unidade hospitalar) é baixa quando comparada a dados de literatura. E para reduzir ainda mais esse índice - valores próximos à zero - a instituição acaba de adquirir nova tecnologia em biologia molecular. O GeneXpert, por meio da metodologia de PCR (Reação de Polimerização em Cadeia), analisa em tempo real amostras de pacientes com suspeita de portarem bactérias resistentes, evitando assim, a sua transmissão.


O equipamento detecta genes de multirresistência em até três horas. Hoje, somente grandes hospitais e laboratórios do país possuem o aparelho. Com a aquisição do GeneXpert - importado dos Estados Unidos – o Hospital Unimed torna-se a primeira instituição da região a utilizar a nova tecnologia americana. “O equipamento laboratorial oferece um diagnóstico eficaz e permite a intervenção clínica mais rápida. Auxilia tanto a equipe médica como o acompanhamento clínico. Atualmente é realizado um teste por vez, mas, futuramente, o alcance será de até quatro exames”, lembra a especialista de aplicações, Nayra Soares do Amaral.


A microbiologista da Unimed Criciúma, Renata Rübensam, explica que o exame para pesquisa de bactérias multirresistentes detecta genes de mecanismos de resistência à antibióticos carbapenêmicos – utilizado na cultura de vigilância. “Quando existe possibilidade de o paciente transmitir bactérias resistentes à outra pessoa é necessário pesquisarmos. Por isso, a importância do exame”, explica Renata.


Carga Viral


Com relação ao exame Carga Viral – utilizado para diagnóstico e monitoramento do tratamento de portadores do vírus do HIV – a resposta fornecida pelo equipamento também é bastante rápida. “A proposta do teste é saber se o tratamento está sendo eficaz, se a quantidade de vírus HIV está reduzindo, caso contrário, o médico terá que mudar o tratamento. Por isso a importância na rapidez do resultado laboratorial. O novo equipamento auxiliará o clínico a tomar decisões mais rápidas”, esclarece Renata.

Outras Notícias